Repositório UNIFEI UNIFEI - Campus 1: Itajubá PPG - Programas de Pós Graduação Dissertações
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.unifei.edu.br/jspui/handle/123456789/1765
Tipo: Dissertação
Título: Economia comportamental e eficiência energética: confluência promissora para a ratificação do uso racional de energia no ensino e setor residencial brasileiro.
Autor(es): COUTO, Thalita Clemente
Abstract: As recentes discussões do mercado de energia brasileiro vêm sempre abordando a eficiência energética (EE) como objeto de estudo, de forma a se expandir sua compreensão e aderência com as práticas sustentáveis. Assim como os investimentos com a emersão de novas tecnologias são requeridas, a forma como os usuários irão utilizar essas inovações é fator intrínseco para obtenção da economia almejada. Economia Comportamental é uma disciplina imperita no mercado, resultante de estudos teóricos e experimentos no campo da psicologia, neurociência e outras ciências sociais inseridos pela economia. Partem da premissa que o homem é um ser limitadamente racional no que concerne às tomadas de decisões e ao mesmo tempo ilimitado ao processar informações, porém influenciado por fatores externos a ele. Os indivíduos fazem escolhas baseando-se em emoções, hábitos, experiências já vivenciadas e regras práticas simplificadas que retornam a rapidez no processo decisório. Utilizando como ferramenta o método experimental, cientistas comportamentais investigam empiricamente os desvios causados pela ação racional do ser humano. Logo, a economia juntamente com a psicologia se unem para desenvolver modelos que descrevem as escolhas da população com maior veracidade e realidade. Esses modelos são usados como aporte teórico para identificação das principais variáveis que guiam os consumidores de energia nas tomadas de decisões. Nesse sentido, o intuito desse trabalho é analisar como a população recebe e assimila as informações dos programas de eficiência energética, assim como quais os fatores que pesam no momento de agirem pró ou contra às propostas que lhe são apresentadas. Para isso, foi realizado o levantamento dos experimentos já realizados na área comportamental e a elaboração de dois projetos pilotos para a cidade de Itajubá-MG para uma projeção de como aplicar os insights comportamentais com crianças e adultos a fim de alcançar hábitos conscientes energeticamente. Para o projeto infantil, são elucidadas as psicologias das teorias da aprendizagem para execução no ensino em três escolas propostas, capacitando o trabalho a guiar na aplicação dos programas de EE desde as primeiras faixas etárias dos brasileiros. O posicionamento da amostra populacional no setor do ensino foi positivo com o apoio dos profissionais para futura execução, porém é necessário um responsável que acompanhe e supervisione o projeto. Já na amostra no setor residencial se obteve uma certa rejeição que precisa ser estudada e analisada para que seja aplicada futuramente de uma forma mais branda e gradativa.
Citação: COUTO, Thalita Clemente. Economia comportamental e eficiência energética: confluência promissora para a ratificação do uso racional de energia no ensino e setor residencial brasileiro. 2018. 131 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Energia) – Universidade Federal de Itajubá, Itajubá, 2018.
URI: https://repositorio.unifei.edu.br/jspui/handle/123456789/1765
Data do documento: Set-2018
Aparece nas coleções:Dissertações

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
dissertacao_2018135.pdf2,96 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.