UNIFEI - Campus 1: Itajubá PPG - Programas de Pós Graduação Teses
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.unifei.edu.br/jspui/handle/123456789/1888
Tipo: Tese
Título: Estudo da Interação e Competição Entre o Dodecil Sulfato de Sódio e Fármacos Anti-hipertensivos com Beta-ciclodextrina
Autor(es): MEIRA, Larissa Helena da Rocha
Abstract: A análise prévia da compatibilidade entre os componentes de uma formulação farmacêutica é de relevante importância para garantir a biodisponibilidade, eficácia e segurança destes, uma vez que podem ocorrer interações não desejadas entre o fármaco e os excipientes, bem como entre os excipientes utilizados. Assim, no presente trabalho foi realizado um estudo da competição dos fármacos anti-hipertensivos losartan potássico (Karagiannis et al.) e atenolol (Patel et al.) com o excipiente dodecil sulfato de sódio (SDS) pela interação com a beta-ciclodextrina (βCD). Para isso, foram realizadas análises estruturais dos compostos binários LOS:βCD, ATE:βCD, SDS:βCD, e ternários SDS:LOS:βCD e SDS:ATE:βCD, para verificar a possível formação desses sistemas supramoleculares. A técnica de calorimetria de titulação isotérmica (ITC) foi utilizada com a finalidade de determinar os parâmetros físico-químicos da interação entre os fármacos e a βCD, o SDS e a βCD e entre os fármacos e o SDS, além da análise de competição entre o SDS e os fármacos pela βCD. Logo, a correlação nos mapas de contorno 2D-ROESY permitiram inferir a formação dos compostos de inclusão binários, sendo observada a interação da cadeia alquil do SDS com a βCD, dos anéis aromáticos do LOS com a βCD e da região aromática do ATE com a βCD. Já para os sistemas ternários a presença de correlação somente entre o SDS e a βCD foi observada, indicando o possível deslocamento dos fármacos da cavidade da βCD, contudo tais resultados não foram conclusivos. Assim, os resultados de ITC mostraram que o sistema SDS:βCD obteve maior constante de formação, indicando uma interação mais forte entre estas moléculas. Por isso, as análises de competição foram realizadas titulando-se o SDS nas soluções βCD:fármaco (1:1), sendo que os resultados de ITC indicaram o deslocamento do ATE, mas não do LOS na presença do excipiente, indicando a formação de um sistema supramolecular ternário. Logo, foram realizadas novas análises de ITC variando a estequiometria ora dos fármacos ora da βCD, sendo observado que mesmo com o aumento da concentração do ATE em relação à βCD, o SDS continua deslocando este fármaco da cavidade da βCD. Por fim, foi realizada a análise cinética da interação do SDS e dos fármacos com a βCD utilizando o software kinITC. Assim, foi observado que o SDS possui maior velocidade de interação com a βCD em relação aos fármacos. Além disso, o valor da constante cinética de associação foi maior do que a de dissociação em todos os sistemas estudados, indicando que a presença do composto de inclusão em solução é prevalecida em relação às moléculas livres.
Citação: MEIRA, Larissa Helena da Rocha. Estudo da Interação e Competição Entre o Dodecil Sulfato de Sódio e Fármacos Anti-hipertensivos com Beta-ciclodextrina. 2018. 121 f. Tese (Doutorado em Multicêntrico em Química de Minas Gerais) – Universidade Federal de Itajubá, Itajubá, 2018.
URI: https://repositorio.unifei.edu.br/jspui/handle/123456789/1888
Data do documento: Dez-2018
Aparece nas coleções:Teses

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_2019007.pdf6.84 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.