DSpace Repository

Variabilidade da cobertura de nuvens na cidade de São Paulo.

Show simple item record

dc.contributor.author MOURA, Luciana Machado de
dc.date.issued 2015
dc.identifier.citation MOURA, Luciana Machado de. Variabilidade da cobertura de nuvens na cidade de São Paulo. 2015. 55 f. Dissertação (Mestrado em Meio Ambiente e Recursos Hídricos) – Universidade Federal de Itajubá, Itajubá, 2015. pt_BR
dc.identifier.uri https://repositorio.unifei.edu.br/jspui/handle/123456789/360
dc.description.abstract As nuvens são de grande importância para o controle de temperatura na superfície da Terra, uma vez que está relacionada com os processos de absorção e espalhamento dos raios solares. A observação da cobertura de nuvem é realizada através da inspeção visual que determina a fração do céu encoberto ou via satélite no qual os dados levam em conta a espessura óptica das nuvens. Este trabalho tem como objetivo compreender a variabilidade da cobertura de nuvens na cidade de São Paulo para o período de 1961 a 2013. As informações referentes às variáveis meteorológicas de precipitação, temperatura, radiação global, dados observacionais de nuvens foram disponibilizados pelo IAG\USP. Os dados do satélite GOES-10, canal do visível foram disponibilizados pelo CCST-INPE. Para este estudo, o trabalho descreve duas técnicas que possuem função de estimar os dados do Coeficiente da Cobertura de Nuvens, obtidos a partir dos dados do canal do visível do satélite GOES-10, utilizando dados de radiância máximo e mínimo e percentil 5% e 95%. A confiabilidade dos dados das estimativas do Coeficiente da Cobertura de Nuvens e dos dados visuais foram comparados através da constante de claridade (1- Kt), que é a razão entre a radiação global e a irradiação no topo da atmosfera. As técnicas descritas apresentaram resultados semelhantes, não demonstrando diferenças discrepantes para as estações de inverno, primavera e outono. Para o período de verão, os valores obtidos pela técnica do percentil 5% e 95% apresentaram maior confiabilidade, pois o seu desvio padrão foi menor que o da técnica máximo e mínimo. Entre os resultados, os maiores valores de nebulosidade ocorrem no verão e os menores no inverno. O estudo demonstrou a consistência entre as diversas bases de dados que apresentaram comportamentos similares em todos os períodos sazonais do ano. pt_BR
dc.language.iso pt_BR pt_BR
dc.title Variabilidade da cobertura de nuvens na cidade de São Paulo. pt_BR
dc.type Dissertação pt_BR
dc.place Itajubá pt_BR
dc.pages 55 p. pt_BR
dc.keywords.portuguese Dados observacionais pt_BR
dc.keywords.portuguese GOES-10 pt_BR
dc.keywords.portuguese Radiação Solar pt_BR
dc.keywords.english Observational data pt_BR
dc.keywords.english Solar Rays pt_BR
dc.orientador.principal ASSIREU, Arcilan Trevenzoli
dc.orientador.coorientador MARTINS, Fernando Ramos
dc.place.presentation Universidade Federal de Itajubá pt_BR
dc.pg.programa Meio Ambiente e Recursos Hídricos pt_BR
dc.pg.area Modelagem Matemática aplicada ao meio ambiente e Recursos Hídricos pt_BR
dc.date.available 2016-03-02T17:20:57Z
dc.date.accessioned 2016-03-02T17:20:57Z


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record